setembro 22, 2021

O PERFIL DO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL

O professor de Educação Infantil ao organizar sua ação pedagógica deve desempenhar as dimensões do cuidar e educar. Para cuidar de criança pequena, sobretudo às de zero a cinco anos, deve ter compromisso com a sua formação inicial, permanente e continuada; possuir princípios éticos; estar atento e observar os conhecimentos dos seus alunos; e refletir sobre a prática direta com as crianças através da observação, registro, planejamento e avaliação.

Para os Parâmetros Nacionais de Qualidade para a Educação Infantil, a função do professor é garantir o bem-estar, assegurar o crescimento, promover o desenvolvimento e a aprendizagem das crianças da Educação Infantil sob sua responsabilidade. O documento apresenta uma lista das funções que foram aqui resumidas, entretanto, você pode ler na íntegra no documento original. São funções dos professores de Educação Infantil:

  1. Assegurar que bebês e crianças sejam atendidos em suas necessidades de saúde: nutrição, higiene, descanso e movimentação;
  2. Assegurar que bebês e crianças sejam atendidos em suas necessidades de proteção, e nos períodos de adaptação;
  3. Encaminhar a seus superiores, os casos de crianças vítimas de violência ou maus-tratos;
  4. Possibilitar que bebês e crianças possam exercer a autonomia de acordo com seu estágio de desenvolvimento;
  5. Auxiliar bebês e crianças nas atividades que não podem realizar sozinhos;
  6. Alternar brincadeiras de livre escolha das crianças, momentos mais agitados com outros mais calmos, atividades ao ar livre em salas e as desenvolvidas individualmente com as realizadas em grupos;
  7. Organizar atividades nas quais bebês e crianças desenvolvam a imaginação, a curiosidade e a capacidade de expressão em suas múltiplas linguagens, ou seja, linguagem dos gestos, do corpo, plástica, verbal, musical, escrita, virtual.
  8. Possibilitar que bebês e crianças expressem com tranquilidade sentimentos e pensamentos;
  9. Realizar atividades nas quais bebês e crianças possam ampliar seus conhecimentos a respeito do mundo da natureza e da cultura;
  10. Organizar situações nas quais seja possível que bebês e crianças diversifiquem atividades, escolhas e companheiros de interação;
  11. Criar condições favoráveis à construção do autoconceito e da identidade pela criança em um ambiente que expresse e valorize a diversidade estética e cultural brasileira;
  12. Intervir para assegurar que bebês e crianças possam movimentar-se em espaços amplos diariamente;
  13. Intervir para assegurar que bebês e crianças tenham opções de atividades e brincadeiras que correspondam aos interesses e às necessidades apropriados às diferentes faixas etárias e que não esperem por longos períodos durante o tempo em que estiverem acordados; 
  14. Garantir oportunidades iguais a meninos e meninas, sem discriminação de etnia, opção religiosa ou das crianças com necessidades educacionais especiais;
  15. Valorizar atitudes de cooperação, tolerância recíproca e respeito à diversidade e orientar contra discriminação de gênero, etnia, opção religiosa ou às crianças com necessidades educacionais especiais.

    O professor deve criar condições favoráveis para que as crianças se sintam seguras e aprendam a viver em coletividade num ambiente saudável e acolhedor. Isto é, aprendam nas vivências a se expressar, explorar, compartilhar enquanto se desenvolvem e se apropriam da sua identidade com autonomia.

    Quer saber mais? Vem fazer pedagogia na Unisepe/UNIVR!

    Compartilhe em suas redes


    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


    Curta nosso face