dezembro 24, 2020

O RH DA EMPRESA E O MUNDO DO TRABALHO

Hoje vivemos em uma sociedade totalmente competitiva e bastante seletiva. Se em outras épocas o RH era visto como um departamento dentro da empresa, encarregado apenas das questões burocráticas como admissão, demissão e pagamentos, hoje, esse departamento adquiriu outras conotações.

O departamento de Recursos Humanos, RH comumente falando, deixa de ver a pessoa apenas como um número de registro ou mão-de-obra na empresa e passa a ver a pessoa como um sujeito humanizado com todos os problemas, anseios, angústias e possibilidades.

Segundo Chiavenatto, em seus estudos (2010), a gestão de RH é uma das áreas mais afetadas pelas recentes mudanças que estão acontecendo no mundo moderno. O mesmo autor ainda ressalta que as empresas perceberam que as pessoas são os elementos essenciais no mundo corporativo, que elas introduzem a inteligência nos negócios e a racionalidade nas decisões e passam a serem consideradas parceiros que cumprem metas, alcançam resultados, assumem riscos compartilhados e ganham a conotação de corresponsabilidade na gestão do negócio.

Mas afinal, o que é o RH?

O RH dentro das empresas é o departamento que hoje ultrapassa o seu papel operacional e caminha em direção a um papel muito mais estratégico. Vejamos abaixo os novos papéis do Rh numa visão estratégica:

·        Assume papéis mais amplos e complexos;

·        Estabelece parceria e compromisso;

·        Ações projetadas para longo prazo;

·        Adquire função consultiva;

·        Foco no negócio;

·        Foco externo e no cliente (o cliente em primeiro lugar);

·        Proatividade e prevenção;

·        Foco nos resultados e nos fins.

Sabe-se que os objetivos da Gestão de Pessoas nas organizações são variados e contribuem positivamente para o crescimento e fortalecimento e nesse sentido o RH desempenha um papel fundamental dentro da empresa. O profissional do RH não pode perder de vista tais objetivos que são:

·        Ajudar a organização a alcançar seus objetivos e realizar sua missão;

·        Proporcionar competitividade à organização;

·        Proporcionar à organização pessoas bem treinadas e motivadas;

·         Elevar o autodesenvolvimento e a satisfação das pessoas no trabalho;

·        Desenvolver e manter qualidade de vida no trabalho;

·        Administrar e impulsionar a mudança, desenvolver a resiliência;

·        Manter políticas éticas e comportamento socialmente responsável;

·        Construir a melhor empresa e a melhor equipe.

O profissional de RH e o Mercado de trabalho

          Se compreendermos que é no mercado de trabalho que ocorrem as transações e relacionamentos e o que o mesmo é dinâmico e sofre contínuas mudanças, é fundamental que o gestor de RH assuma uma postura de liderança proativa como forma de garantir a todos os colaboradores da empresa o desenvolvimento de competências e habilidades que o novo modelo de economia mundial requer.

                                                       Além disso,

quando pensamos em mercado de trabalho, faz-se necessária a compreensão da concepção de emprego hoje. Como os postos de trabalhos se apresentam para a classe trabalhadora e empregadora, como vemos os novos modelos de empregos, empregadores e empregados?

São questões tão necessárias para o novo modelo de empreendedorismo e acredito que é nessa vertente que as organizações sejam elas de grande ou pequeno porte, precisam planejar as suas ações. Nesse sentido o profissional de RH adquire protagonismo para desenvolver e formar pessoas dentro das empresas.

Do que as organizações necessitam em relação ao profissional de RH?

·        Proatividade;

·        Liderança;

·        Bom relacionamento interpessoal;

·        Pessoas que saibam trabalhar em equipe:

·        Pessoas que saibam compartilhar saberes:

·        Pessoas que vejam o estudo como forma de desenvolver novas competências e habilidades:

·        Ética no mundo trabalho;

·        Visão estratégica e analítica.

·        Bom gestor de tempo;

·        Saber lidar com desafios.

Você que é estudante de RH pôde perceber que existe um campo bastante amplo para atuação do profissional de Recursos Humanos esperando para os novos desafios da profissão.

Prof. Jacob Elias Mancio

Pedagogo e Mestre em Distúrbios do Desenvolvimento

Compartilhe em suas redes


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Conteúdo exclusivo

Coloque o seu e-mail abaixo para receber gratuitamente conteúdos exclusivos!

Curta nosso face